Saiba como empreender na área de e-commerce

Consultor explica quais são os primeiros passos para investir em um comércio eletrônico
Empreender na área de e-commerce (comércio eletrônico) tem sido uma alternativa para driblar a crise e sair do “vermelho”. De acordo com dados do IBGE, de 2014 para 2015, a quantidade de vendas no varejo diminuiu 4,3%, já o e-commerce movimentou R$ 42,3 bilhões, com um aumento de 15,3% em comparação a 2014, segundo dados da e-bit, empresa que estuda as vendas online. Apesar disso, começar um negócio e seguir essa tendência exige estratégia e visão de mercado.Primeiros passos
O consultor Rafael Lopes, especialista em Marketing e MBA em Gerenciamento de Projetos, explica que quem deseja empreender nessa área deve fazer uma análise de mercado e concorrência, visto que, atualmente, são inúmeras as empresas no Brasil e exterior que trabalham dessa forma. Entender os desafios do comércio pela internet também é de extrema importância. “Ter sucesso em uma loja física não significa que terá sucesso no e-commerce. É necessário que se tenha uma série de cuidados e saber respeitar essa modalidade do comércio eletrônico, assim como o varejo tradicional. Ir para a internet é “pescar no oceano”, o que exige ferramentas e investimento. ” explica Rafael.
Capacitação
Para isso, a ADETEC (Agência de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de Lins) fornece todo o preparo que um empreendedor precisa para começar o seu negócio. Inaugurada em 2001, a entidade tem o objetivo principal de executar atividades relacionadas a desenvolvimento, tecnologia, empreendedorismo e inovação.
Lucas Whiather é um dos empresários incubados na agência e diz que aprender com quem possui e-commerce e tem bons resultados é o melhor investimento. “Muitos pensam que ter sua própria loja online é algo complicado ou muito caro, mas é o contrário disso. Hoje, existem soluções para e-commerce que integram com os correios, formas de pagamento e estoque. O maior desafio está justamente na venda, pois, devido a concorrência, a maioria busca por um preço menor, o que não é a melhor opção. O desafio é encontrar os produtos vencedores, diferenciar na abordagem de venda e alcançar o público certo.” afirma.
Experiência na área
Para João Vítor Teixeira, da Be Better Marketing, empresa que foi incubada e hoje é graduada pela ADETEC, a agência oferece várias formas de colaboração. “A ADETEC nos ajudou de diversas maneiras, respeitando o estágio que nosso negócio estava. Primeiro aceitando o projeto e permitindo que tivéssemos um lugar para trabalhar. Depois que abrimos a empresa, o suporte na parte financeira foi fundamental, trabalhando questões de fluxo de caixa e tributárias, além de apresentar opções de investimento. Assim, saímos mais preparados da incubadora” revela.
João Vitor ainda deixa dicas para quem deseja empreender no comércio eletrônico: “Quem quer empreender nessa ou em qualquer área deve se preparar mentalmente e financeiramente. Acredito que a resiliência do empreendedor, como ele lida com frustrações e a força de vontade que determinará o sucesso do negócio. Ter uma reserva financeira para planejamentos também é importante” afirma.
Sobre a ADETEC
A ADETEC é uma organização da sociedade civil sem fins lucrativos, que existe desde fevereiro de 2001, e que nasceu para apoiar iniciativas no domínio das políticas públicas na cidade de Lins (SP) e região. Ela é uma associação formada por empresas privadas, centros universitários e entidades do poder público, que trabalham com o objetivo principal de executar atividades relacionadas a desenvolvimento, tecnologia, empreendedorismo e inovação.

Carvalho Assessoria
Assessoria de imprensa 
Rodrigo Carvalho – Jornalista – MTB 55734
Mestre em Comunicação e Especialista em Marketing
rodrigo@carvalhoassessoria.com
https://www.facebook.com/CarvalhoAssessoria
Fones: (14) 997141606 / (14) 98216-1030